5 pedras naturais para colocar no entorno da sua piscina

24 de maio de 2019
5 pedras naturais para colocar no entorno da sua piscina

O material utilizado para se colocar ao redor de uma piscina não é só uma questão de utilidade, mas também de estilo e segurança. Existem muitos materiais disponíveis. Neste post vamos falar sobre um deles: que tal colocar pedras naturais no entorna da sua piscina?
Confira com a gente as 5 melhores opções de pedras naturais para colocar na sua piscina!

1. Travertino

Há uma tendência atual na decoração de casas de uma arquitetura clássica própria das paisagens desérticas. A primeira sugestão de pedra natural para colocar ao entorno da sua piscina se mistura perfeitamente nessa tendência com seus tons de bege, creme e ferrugem.
Isso não significa, porém, que casas que não se enquadram nesse padrão não possam adotar o travertino para as suas piscinas. Muito pelo contrário!
O travertino é capaz de absorver água instantaneamente. Isso faz dessa pedra uma ótima opção para a sua piscina: essa característica a torna praticamente livre de deslizamentos.
Além disso, o travertino não absorve calor, o que o deixa frio ao toque, independente do sol que esteja fazendo. As pessoas não precisam se preocupar em queimar os pés ou qualquer outra parte do corpo ao aproveitar um belo dia de lazer!

2. Arenito

pedras para piscina

Imagem: stone-pavers

Por causa do seu tom de marrom claro, muito semelhante à areia da praia como o próprio nome sugere, o arenito é um tipo de pedra que dará à sua piscina uma aparência mais próxima à da praia. Como se estivesse caminhando por ela.
Uma característica própria do arenito é que ele é corroído ao longo do tempo. Isso, no entanto, não é visto como algo negativo. Esse aspecto dá ao piso personalidade conforme os tons da pedra são “retocados” através de manchas, arranhões e da própria ação do clima.
O tempo dá ao arenito uma sensação rústica e antiga.
Como o travertino, o arenito tem uma superfície não escorregadia. Mas por ter uma natureza porosa, é necessário que seja vedado para que possa ser utilizada como a pedra de entorno da sua piscina. Quando estiver selado, o arenito está pronto para enfrentar o calor, a água e o vento!

3. Calcário

Estruturas antigas espalhadas por todo o mundo foram feitas usando o calcário, em seu tom branco ou um tanto bronzeado. Mas essa pedra natural também está disponível em outros tons, bastante marcantes, como o cinza, o azul e até mesmo o rosa.

pedras para piscina

Imagem: Watercolors

Todas essas cores resistem a anos de exposição ao sol e ao clima: o calcário possui durabilidade! Além de, é claro, beleza. Sendo, então, um tipo de pedra ótimo para ficar no entorna da piscina da sua casa.
A beleza e delicadeza do calcário são resultado da junção de matéria orgânica fossilizada e outros materiais inorgânicos: isso confere a ele uma textura sedosa dificilmente encontrada em outras pedras naturais.

4. Ardósia

Outra opção de pedra para a sua piscina é a ardósia. Ela é pesada, resistente, mas também elegante. Isso faz dessa pedra uma escolha perfeita para uma piscina com um toque mais moderno, com seus tons de preto, azul e cinza. Além disso também pode ser encontrada em tons de laranja e marrom. São várias opções para você escolher!
Mas atenção: a ardósia nunca deve ser instalada diretamente na grama, areia ou terra. Para que o entorno da sua piscina seja seguro, é necessário que a instalação da ardósia seja feita sobre o concreto ou o compensado. Assim, os riscos da pedra da sua piscina ser danificada será bem menor.

pedras para piscina

Imagem: imperialwholesale

Isso pode parecer complicado, mas é uma medida necessária por causa do peso da pedra. Ainda que isso deixe sua instalação mais custosa do que nos outros casos, a ardósia é resistente e a sua durabilidade resulta em custos menores com a manutenção.

5. Mármore

O último piso de pedra que veremos para a sua piscina é o mármore, muito conhecido por sua aparência, cheia de classe e estilo, fazendo dele sinônimo de luxo!
Uma característica única do mármore é a sua translucidez. Em dias de sol, o entorno da sua piscina irá brilhar graças a essa pedra única. Não há dúvidas de que quem frequentar a sua área de lazer terá ainda mais motivos para admirar a vista.
Um cuidado essencial para se ter com o mármore é a sua selagem, que deve ser feita anualmente. Assim ele estará protegido de danos causados pela água. Além disso, recomendamos que ele não seja polido. Isso irá reduzir o risco com escorregões que podem levar a acidentes graves.

pedras para piscina

Imagem: yelmini

E então? Escolheu qual material colocar na sua piscina? Que tal conferir outros blogs de decoração?

Divirta-se e deixe o seu quintal com a sua cara!