Dia Mundial da Saúde: depressão é o tema de 2017.

7 de abril de 2017
Dia Mundial da Saúde: depressão é o tema de 2017.

O dia 07 de abril foi eleito como o Dia Mundial da Saúde. Em 2017, a Organização Mundial da Saúde (OMS) discute um dos distúrbios que mais cresceram no mundo nos últimos anos: a depressão.
Considerada o mal do século XXI, casos e casos de depressão vem surgindo com uma frequência assustadora.

Essa é uma situação que pode afetar a todos, desde crianças até idosos. A doença precisa ser cuidada e acompanhada como qualquer outra condição médica. Caso ignorada, pode chegar acasos extremos e levar a pessoa a atentar contra a própria vida.

Uma pesquisa da OMS mostrou que cerca de 322 milhões pessoas são afetadas no mundo todo. Infelizmente, estes números vêm crescendo a cada dia. No Brasil, por exemplo, essa condição atinge mais de 11,5 milhões de pessoas.

O que caracteriza a depressão?

Casos de depressão podem apresentar três níveis: leve, moderado ou grave. São categorizados através da intensidade, mas geralmente apresentam os mesmos sintomas.

Alguns deles são:

  • Dificuldade e falta de interesse em realizar atividades simples no trabalho e no dia a dia,
  • Angústia persistente,
  • Sentimentos recorrentes de culpa,
  • Falta de apetite e disposição

Com o lema “Let’s Talk”, “Vamos conversar”, numa tradução livre, a OMS quer trazer a discussão para todos os espaços, principalmente nas comunidades e nas escolas, como meio de prevenção e tratamento.

Segundo a instituição, conversar abertamente sobre a depressão é necessário para que a sociedade entenda melhor o assunto e reduza o estigma criado em cima do tema. Assim, as pessoas poderão se sentir mais seguras em dar o primeiro passo: procurar ajuda.

O segundo passo é começar, aos poucos e com acompanhamento médico, a retomar o seu ritmo diário, e a melhor maneira de fazer isso é começar a praticar uma atividade física.

Por quê? Elas auxiliam no tratamento da depressão, pois estimulam a produção de serotonina e endorfina, hormônios responsáveis pelo humor e pela sensação de bem-estar, respectivamente.

Você pode optar por atividades ao ar livre, como a yoga, uma corrida no parque ou então por atividades aquáticas. Já demos, aqui no blog, dicas de exercícios físicos para fazer na piscina. Que tal acessar o post da semana passada e começar a se movimentar, para afastar a tristeza, em sua piscina? Essas, além de ajudarem na sensação de bem-estar, também relaxam, diminuindo o estresse e a ansiedade.

Depressão é coisa séria e prevenir é sempre a melhor opção.