Aspirar, filtrar e drenar – O que é o que?

É natural que, ao adquirir uma piscina de fibra, as pessoas fiquem cheias de dúvidas sobre o que fazer para limpar, quais equipamentos usar e qual procedimento adotar.

Reunimos aqui três dos mais importantes procedimentos para te ajudar na hora de limpar sua piscina e te ajudamos a entender qual a função de cada um.

Antes de tudo, é necessário que você realize a limpeza da parte externa da sua piscina, pois os fatores naturais como a chuva e o vento acumulam resíduos em todo o entorno da piscina, assim como lodo e algas.

Após isso, é necessário retirar os resíduos sólidos como folhas, insetos, cabelos, e, para isso, você deve utilizar a peneira. Não se esqueça de limpar o seu skimmer, pois ele também capta algumas dessas impurezas.

Aspirar

Esse processo auxilia a limpeza e retira toda a sujeira que se acumula no fundo da piscina. Ele deve ser feito após a limpeza do skimmer, a peneiração e a escovação da área externa da sua piscina.
Aspirar é uma das tarefas mais trabalhosas e exige um pouco de paciência. Para isso, conecte a mangueira no dispositivo de aspiração, tendo atenção para que não fique nenhuma bolha de ar dentro da mangueira. Existem dois processos que podem ser adotados: aspirar filtrando ou aspirar diretamente ao esgoto.

Se optar pela primeira opção é necessário colocar o filtro na posição “Filtrar” e, então, ligar a bomba da piscina para que a água passe pela mangueira até chegar ao filtro. Assim, a água será filtrada e retornará para a piscina. Esse é o processo mais econômico e ecológico, mas só deve ser feito caso a piscina não esteja com muita sujeira acumulada.

Aspirar sua piscina diretamente para o esgoto descarta toda a água após a aspiração. Para isso, o filtro deve ser colocado na função “Drenar”, no qual a água passará pelo aspirador e irá diretamente para o esgoto. Esse é o método indicado caso a sujeira no fundo da piscina for de grande quantidade.

Tenha uma especial atenção aos cantos. As piscinas tendem a acumular sujeira com mais facilidade nesses lugares e eles merecem uma atenção especial.

É normal que parte da sujeira fique dentro da mangueira, logo, no final da aspiração tenha cuidado ao remover a mangueira do dispositivo de aspiração para que a sujeira não caia novamente na piscina.

Filtrar

Esse é um dos processos mais importantes, pois retira todas as impurezas insolúveis da água como poeira e folhas, por exemplo. São essas impurezas que deixam a água da piscina turva.

O processo de filtração deve ser de, no mínimo 6 horas para que a água seja totalmente purificada.

Desligue a motobomba para que nada seja danificado durante o processo. Também é necessário utilizar a areia adequada no filtro para que o processo não seja comprometido. A areia é responsável por reter as partículas de sujeira e deve ser trocada anualmente para manter sua eficácia de limpeza.

Drenar

Como você deve ter percebido, drenar é um procedimento complementar feito tanto na hora de aspirá-la como também pela areia do filtro. Assim, como já explicamos, a drenagem deve ser feita quando há muita sujeira no fundo da piscina, para evitar que a água fique turva ou mude de cor.

Ainda que seja um tanto quanto trabalhoso, manter sua piscina limpa e bem tratada é fundamental para conservar a qualidade da fibra.

A Henrimar possui revendas em todo o país e uma delas está pertinho de você. Consulte um dos nossos revendedores e saiba mais sobre nosso catálogo, equipamentos e acessórios.

0 comentários

  1. […] últimas semanas te mostramos a diferença entre aspirar, filtrar e drenar uma piscina. Algumas vezes somente a filtragem é feita, e a água volta para a piscina, mas na hora de drenar, […]