Preservação da camada de ozônio

Um dos principais problemas que assolam o planeta é a degradação da camada de ozônio, causada pela poluição. O dia 16 de Setembro foi marcado pelo dia da Preservação da Camada de Ozônio.  Essa data foi instituída em 1994 pela Organização das Nações Unidas – ONU – com a intenção de relembrar a assinatura do Protocolo de Montreal (1987) por países que se comprometeram a diminuir a produção de CFCs e outras substâncias responsáveis pela destruição da camada. A comemoração objetiva despertar a conscientização ambiental e a importância de conservar a proteção do planeta contra os raios UV.

A camada de ozônio é um tipo de capa composta por gás ozônio (O3) que filtra cerca de 95% dos raios ultravioletas B (UVB) emitidos pelo sol.  Sem ela, a fotossíntese realizada pelas plantas ficaria prejudicada e aumentariam os casos de doenças relacionadas à exposição solar, como câncer de pele, catarata e alguns tipos de alergias, isso sem contar outros problemas.

Certas reações químicas na atmosfera tornam a camada de ozônio mais fina, mas há a possibilidade de voltar ao original. A poluição intensifica esse processo, o que faz o planeta ficar mais vulnerável aos efeitos da radiação solar. Esse fenômeno foi denominado como “buraco na camada de ozônio” pois permite que uma maior quantidade de raios ultravioleta atinjam a Terra, em diversos pontos, sobretudo nos polos norte e sul.

Apesar do Protocolo de Montreal e outras iniciativas terem diminuído a eliminação de clorofluorcarbonos (CFCs), tida como a principal responsável para o aumento da camada de ozônio, alguns poluentes ainda são grandes ameaças.

Engana-se quem acha que é dever somente do governo trabalhar em prol da camada de ozônio, é dever de cada um contribuir com a preservação do meio ambiente. Você pode tomar algumas atitudes como: Sempre que precisar comprar novos eletrodomésticos, confira se o modelo escolhido possui o selo tipo Verde, que constata estar livre de emissão de CFC. Se tiver equipamentos antigos, troque-os por novos. Evite utilizar o carro e dê preferência para transportes mais sustentáveis como a bicicleta e o metrô. Os automóveis movidos à combustíveis fósseis emitem CO2 que também causa danos à camada de ozônio. Não use geradores, porque esses equipamentos são movidos à óleo diesel que é composto por substâncias nocivas à camada de ozônio. O uso de CFC em aerossóis está proibido no Brasil, mas em alguns países ainda é permitido. Caso tenha o hábito de importar cosméticos e outros produtos do tipo, fique atento à sua composição.

Além das atitudes para garantir a proteção da camada de ozônio, utilizar protetor solar todos os dias é importante para evitar problemas de pele causados pelos raios ultravioleta. Praticar outras atitudes sustentáveis, como reciclar, reutilizar e plantar árvores contribuem para preservação da natureza como um todo.

Os comentários estão fechados.