Algas na sua piscina? Descubra como combatê-las!

15 de junho de 2018
Algas na sua piscina? Descubra como combatê-las!

É inegável a importância das algas para o ecossistema. Mas quando essas mesmas algas chegam até a nossa piscina é bem diferente. Elas não só são desagradáveis, como também podem causar problemas de saúde.
Aqui você irá encontrar o que é necessário para combatê-las!

Causas da alga na piscina

Há várias maneiras de a alga chegar até a sua piscina. Seja pelo vento. Pela chuva. Ou, até mesmo, se o material usado para limpar a sua piscina estiver contaminado. De qualquer maneira, elas sempre estarão presentes mesmo que não se possa ver. Elas esperam por condições favoráveis para se espalharem e se tornarem um problema. O que pode acontecer em questão de horas.
Tais condições incluem altas temperaturas e luz solar. Elas gostam de ambientes quentes.
Mas boa parte dos problemas relacionados a algas em piscinas ocorre por manutenção inadequada ou uso indevido de produtos químicos. O equilíbrio dos níveis de cloro e pH são necessários para desinfetar as piscinas e matar os microorganismos.

Problemas causados pela alga na piscina

Além da aparência desagradável, a alga em si não irá afetar a sua saúde. Mas as bactérias que se alimentam de resíduos de alga se tornam um problema e podem causar diversas doenças.
Os problemas mais comuns causados por essas bactérias são infecções respiratórias, otite externa (ouvido de nadador), infecções na pele, erupções cutâneas e algumas doenças gastrointestinais (Ecoli e Giardíase).
Portanto, não deixe de tomar as providências necessárias!

Com que aparência a alga pode aparecer na minha piscina?

As algas irão aparecer, geralmente, como manchas na parede da sua piscina. Isso é sinal de que logo, mais manchas surgirão, se você não se atentar.
Existem 3 tipos diferentes de algas que podem aparecer na sua piscina. É importante identificá-los para escolher o tratamento adequado. Essa parte não é difícil. A cor das algas irá te ajudar no processo.

alga na piscina

Imagem: Shutterstock

A alga verde:
Esse é o tipo mais comum, mas que se espalha mais rápido. Limpar a mancha diretamente não resolve! É preciso aplicar o método de tratamento apropriado.
Alga amarela:
Ela não é tão veloz em se espalhar como a alga verde, mas é bem mais resistente e difícil de combater. As chances de ela voltar também são bem altas.
Além disso, repare que a sua coloração é um bom disfarce. Fique atento para não confundi-la com areia.
Alga preta:
Esse tipo de alga é raro. Mas, em compensação, se ela aparecer será uma tremenda dor de cabeça.
Se perceber pequenas pintas no fundo da sua piscina já procure tomar as providências necessárias. A alga preta é lenta no começo, mas depois se espalha rapidamente. Criando raízes que penetram no revestimento da piscina. Isso torna a limpeza mais difícil já que você não pode deixar resquícios das raízes para trás. Caso contrário a alga volta.
Sem falar na camada que ela cria ao seu redor para se proteger. Isso torna o seu trabalho ainda mais complicado.

Acabando com a alga na sua piscina

Antes de tudo, se tiver um aquecedor desligue-o imediatamente. Como vimos, as algas gostam de climas quentes.
Para algas verdes suspensas coloque a quantidade de hipoclorito necessária para a água da sua piscina ficar com um tom cinza azulado. Mas nunca use mais de 20 gramas/m³ por vez.
Esse tratamento é conhecido como choque ou supercloração.
Você precisa ter certeza de que o filtro e a bomba da sua piscina estão funcionando corretamente. Ajuste as válvulas e deixe as bombas funcionando 24 horas, sem parar, até que a piscina seja limpa. Ligue também os limpadores.
Teste o pH e o cloro da água no dia seguinte. Se o nível de cloro é alto, isso é bom. Mas se ele zerou em 24 horas, você terá que repetir o processo.
Escove diariamente as paredes e o chão, aspirando quando necessário, por alguns dias. Tudo isso durante o processo de supercloração!
Depois que o nível de cloro descer abaixo de 5 ppm (medida que mostra, em gramas, a quantidade de soluto presente em 1.000.000 gramas da solução), adicione o algicida e esfregue a piscina outra vez. Deixe o produto agir durante 2 ou 3 dias. Serão necessários cerca de 6 ml para cada litro de água.
Prefira não utilizar algicida à base de cobre. Ele pode manchar a sua piscina e deixar os cabelos dos banhistas verdes.
Depois disso, aspire a piscina. Teste e reequilibre a água (mantendo os níveis de cloro e pH certos) após a limpeza.
Para algas verdes que não estão suspensas, mas apenas manchando a parede da sua piscina, o processo é o mesmo. Para se livrar das algas amarelas da sua piscina, você terá que caprichar mais na hora de esfregar. Mas a supercloração continua sendo a chave.

O desafio para acabar com as algas pretas

Para a alga preta o segredo é a escovação. Como dissemos, ela possui uma camada protetora. Você precisa destruí-la para que os produtos químicos tenham efeito.
Se sua piscina é de concreto, você precisa comprar uma escova resistente, como a de cerdas de aço inoxidável. E seu trabalho para retirar as algas pretas será bem maior. Isso porque elas irão grudar nos rejuntes entre os azulejos. Para piscinas de fibra use uma escova mais macia.
Mais uma vez, lembra de todo o processo que vimos anteriormente para acabar com algas da sua piscina? Faça o mesmo. Mas agora escove os pontos de algas pretas de três a quatro vezes por dia durante o tratamento. Continue esfregando mesmo quando a alga parecer ter saído (lembre-se das “raízes”!).
Se as algas não sumirem, repita a aplicação de hipoclorito em qualquer um dos casos.
Recomendamos o uso do hipoclorito durante a noite. Quando ele pode agir melhor sem a presença do sol.
Não se esqueça, é claro, para qualquer um dos casos, de manter os filtros limpos! A alga pode estar alojada lá dentro.
Desinfete também qualquer material que teve contato com a piscina!

Prevenindo a alga na sua piscina

Não quer ter todo esse trabalho para se livrar de algas da sua piscina? Não tem muito segredo.
Realize a manutenção adequadamente. Mantenha os níveis de cloro e ph necessários para combater os microrganismos e manter a água da sua piscina ideal para o banho!
Quer dicas de limpeza para a sua piscina? Acesse mais no nosso blog clicando aqui.